nome blog

6 de julho de 2017

Você não é o meu para sempre mas será para sempre.

Clique para ouvir Iris - Goo Goo Dolls enquanto lê o texto. 

Há algum tempo percebi que carrego pra todo canto a impressão de que vou te encontrar por ai. Quando estou escolhendo o shampoo no corredor do supermercado, tenho a ligeira impressão que de você passou perto de mim. Quando estou na fila do cinema pra entrar na sessão, fico intrigada olhando pro moço de camisa branca que de costas me lembra tanto você. é como se eu fosse te encontrar na próxima esquina, mas nunca encontro.

As nossas ruas nunca se cruzaram, e se se cruzaram algum dia, eu estava desatenta e não percebi. Eu, que odeio usar óculos, passei a sair de casa só com eles, para ver se te enxergo na multidão. Mas não sei ao certo o motivo, não sei o que diria se te encontrasse, não se você me abraçaria e comentaria do meu corte novo de cabelo ou se só diria um “oi” as pressas enquanto continua andando.

Mas é essa maldita sensação de que você sempre esta por perto, essa sensação que as vezes me impede de seguir em frente, de me concentrar no shampoo que pretendo comprar ou perder o lugar na fila do cinema, essa sensação de que você foi embora mas deveria ainda estar aqui.

Há também uma sensação estranha de que seguimos caminhos diferentes e igualmente bons para nós. Você está feliz e eu também estou. Não te quero de volta. Não suponho que me queira de volta. Talvez seja só a ideia de que algo ficou inacabado, de que a ultima vez que te vi não consegui olhar atentamente para o seu rosto e não ouvi a sua risada o suficiente. 

Geralmente não sabemos quando será o ultimo beijo, o ultimo abraço, a ultima vez que ouviremos aquele alguém pronunciar nosso nome, e, por não saber, nunca nos atentamos a esses detalhes, e depois ficamos tentando de todo jeito trazer a memória tudo isso, porque mesmo que não esteja fresco em nossa mente, não está totalmente esquecido, está guardado em algum canto.
Você seguiu seu caminho e pelo que vejo a distância ele é bom, é o caminho que você merecia. Não quero te encontrar pela estrada e bagunçar tudo, não é minha intenção. Só gostaria de te encontrar ao acaso escolhendo o shampoo, de esbarrar com você a caminho do trabalho, de trocar cinco minutos de conversa e saber se você conseguiu realizar pelo menos metade dos seus sonhos até aqui.

Talvez meu coração ainda te ame de uma maneira ingênua e sincera e talvez nunca deixe de te amar assim. Porque mesmo que você não tenha sido o meu amor que duraria para sempre, é um amor que tem durado até aqui. Quem sabe eu esbarre com você quando menos esperar, quando estiver sem meus óculos e você me enxergue e brinque que eu cresci mais do que deveria, talvez eu nunca mais te encontre e com o tempo pare de procurar.

Mas eu sei, que mesmo que o acaso tenha nos mandado para longe um do outro, ele sempre vai nos conectar de algum jeito, eu sempre vou carregar no peito essa sensação de que foi incrível ter você aqui comigo por um tempo. 

E me desculpe, se você estiver procurando um final para esse texto, não há, pois assim como sinto que não finalizamos a nossa historia, sinto que não há uma maneira de finalizar o que escrevi aqui. 
Então ficará inacabado, assim como o nosso amor.

3 comente aqui:

  1. Texto maravilhoso... Lindo demais

    ResponderExcluir
  2. Que texto incrivel, descreveu tudo o que sinto em relação a uma pessoa. PERFEITO!!!

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.