Nova Perspectiva

26 de junho de 2017

Você vai achar o amor


Sabe aquela coisa clichê que a sua mãe vive falando quando você perde alguma coisa que quer muito encontrar? "Com o tempo, você acha". E praga de mãe é tão forte que bastou falar uma vez pra você só conseguir ver aquilo que perdeu uns bons dias depois, assim que se esqueceu de que não tinha mais aquilo contigo. Acontece assim também na vida, é tanta pressão para que encontremos o amor das nossas vidas que a gente mergulha em mil expectativas sobre cada pessoa que encontramos e contamos as amigas com o peito cheio de felicidade e gritando aos quatro mundos que "é esse"Mas não é. Porque o amor precisa ser achado e não caçado. E vai por mim, você vai achar o amor.

É tanta busca para achar uma pessoa pra ficar contigo. Parece que estar sozinho hoje em dia se tornou um erro tão grande que todos estão na corrida do seu final feliz com alguma alma gêmea. E vale tudo, vale sair para lugares que nunca foi pra ver se lá terá a pessoa que você deseja tanto encontrar, vale baixar os diversos aplicativos no celular e vale até dar uma chance para aquele amigo da sua amiga que sempre teve um carinho enorme por você. Acontece que, encontrar o grande amor da sua vida, vai muito além do que uma caça ao tesouro perdido, vai de uma conexão entre pessoas tão forte, que se torna difícil de dar certo com qualquer umTem que ser aquele um.

Também não vou ser sacana e dizer que as coisas acontecem e você só precisa esperar. Porque esperar sem fazer nada não funciona, pode correr atrás, pode sair, pode testar coisas que nunca testou, pode se permitir inúmeras vezes a sentir aquele friozinho na barriga de ver o desconhecido e brincar com isso. Até porque, nada vai cair no seu colo de mão beijada. Mas, também da uma carta do jogo pro destino, deixa ele se encarregar de te mostrar o melhor caminho dentro dessas novas aventuras. Não precisa ir seguindo todas as ruas até notar que elas são sem saída, deixa que o seu instinto te guia a seguir uma só direção. E tudo bem se demoraraproveita a vista da caminhada. 


Porque você vai achar o amor, não tem como escapar. Uma hora ele te alcança e te puxa de jeito que nem tentando se soltar você escapa. E você vai gostar de cada cantinho que esse novo sentimento vai mostrar que existe dentro de você e você nem sabia...vai se jogar de cabeça sem perceber e quando menos esperar vai estar igual mais um desses casais que se completam um no outro. Desde o ritmo do beijo até as risadas fora de hora. Mas, até lá, brinca com a vida. Não fica só procurando uma única meta, se surpreenda com as coisas que ainda estão pra acontecer contigo. Porque um dia, você vai achar o amor. E não vai existir sentimento algum que seja mais intenso do que ele.

Se você gostou do texto, pode encontrar mais deles no meu blog, pode me ver no youtube e me acompanhar pelo instagram 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.