nome blog

20 de janeiro de 2017

Carta para quando tudo estiver difícil demais

Ei, eu não te conheço, mas por algum motivo eu sei pelo o que você está passando. Olha, eu não vou enrolar para te dizer a verdade que quase ninguém tem coragem, então vou logo dizendo porque enrolar não é meu forte. Você não é a única que sofre, eu sei que a vida pode ser cruel demais e até parece pegar no seu pé, mas você não está sozinha nessa tempestade. Eu sei também que a vida parece um jogo de dominó, que é só cair a primeira peça e todo o resto logo vai para o chão, mas nem tudo é tão ruim assim, você precisa aprender a parar de olhar só o teto do seu quarto.
Quando estamos passando por uma fase complicada é muito mais fácil focar toda nossa energia nisso e o mesmo acontece quando nos deitamos, focamos apenas no teto branco e gélido do quarto e esquecemos que lá fora tem um céu lindo e estrelado, um mundo que gira recheado de oportunidades.

Às vezes a vida anda como um carro velho apertado e parece que a qualquer hora a lataria vai despencar. É a faculdade chata que você detesta, o trabalho que você não pode largar por precisar da grana, amigos distantes demais para dividir uma pipoca grande no cinema, os pais que estão sempre atarefados e batalhando suas próprias lutas, o namorado que parece não entender o quanto tudo seria mais leve se estivesse por perto. Tudo está difícil e parece que essa não é só mais uma fase ruim que logo vai acabar, porque a sensação que você tem quando acorda é que todo dia sempre será a mesma coisa, mas eu posso te ser sincera? As coisas vão mudar, a sua vida só vai melhorar quando você parar de aceitar viver assim. O universo te devolve aquilo que você oferece, ele te dá aquilo que você acredita e se você não souber, irá receber qualquer coisa que não gosta. 

Não fique presa às coisas que te acorrentam ao chão. Eu sei que por ora você sente-se perdida em meio a tanto caos, mas se você ainda não tem certeza aonde quer chegar, não aceite qualquer caminho só por ser mais prático. Você sempre foi gigante demais pra essa cidade, abra suas asas e permita sentir o vento no rosto pelo menos uma vez. Deixe que tenha água salgada só nos seus pés e não nos seus olhos. Se quiser, divide essa dor comigo, aí ela acaba mais rápido. 

Anda, levanta logo dessa cama. Morar debaixo da coberta maratonando séries não vai resolver. Seu personagem preferido não baterá na sua porta para resolver todos seus problemas. Às vezes a gente precisa aprender a ser forte sozinha. Entenda de uma vez por todas que se a curva tem sido acentuada demais, é porque você é capaz de conduzir o volante. Então segura firme e vai em frente. Enfrente! Sua versão do futuro está orgulhosa de você. Vai chegar uma hora que você olhará para trás e entenderá que foi preciso atravessar todos esses dias para conseguir aquilo que queria no passado. Enfrente toda essa situação de cara e se não for pedir muito, coloca um sorriso no rosto, porque quando você sorri eu sinto cheiro de chuva.

1 comente aqui:

  1. Oi Amiga (Posso te chamar de amiga?),
    Esse texto foi lindo e mostra muito sobre como eu me sinto, porem ele é quase completamente relacionado a minha depressão, aquela vontade louca de sair do trabalho, parece que ninguem se importa, etc.
    Só queria dizer que amei o seu blog e esse texto perfeito! Prometo voltar aqui mais vezes :3

    -Pietra K.
    Tenha um ótimo final de semana! Sempre que precisar saiba que tem uma amiga lá no LilpsychoGirl ♡
    http://www.lilpsychogirl.com.br/

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.