Nova Perspectiva

19 de novembro de 2016

Ela ainda ama você

Talvez ela ainda não tenha te esquecido. Eu sei que não é isso que parece, porque agora ela sai todo final de semana e vive postando foto pra mostrar como tá feliz nessa nova fase da vida. E, tudo bem, ela realmente está feliz moreno, mas isso não quer dizer nada, sabe? Talvez ela ainda te ame. Talvez o coração dela ainda bata acelerado por você. Talvez ela ainda espere as suas ligações e mensagens e aquela declaração de amor com o buquê de flores que cê não fez porque achava brega demais. Talvez ela ainda queira você. Só que agora é em segredo, escondidinho, pra que ninguém descubra.

Já pensou se enquanto ela dança e atrai os olhares da maioria dos caras nessas festas, não é justamento o seu que ela tá procurando? E você tá tão preocupado em fingir que não se importa com o fato dela estar seguindo em frente que nem percebe que talvez ela esteja te dando uma última chance de impedi-la de ir embora. Talvez ela esteja gritando em silêncio pra ver se teu coração consegue ouvir que ela ainda que ficar, que ela ainda quer tentar, que ela ainda acredita na história de vocês. Talvez ela só tenha cansado de ver você se divertir e resolveu ir também, mas isso não quer dizer que ela te superou e nem que não te busca nesses caras que ela sai. Talvez ela esteja esperando você fazer alguma coisa, porque tá de saco cheio de só ela insistir em fazer dar certo.

Outro dia ela reconheceu o seu cheiro numa livraria. É sério. E se isso não é amor, o que é? Ela reconheceu o seu cheiro e sentiu cada parte do corpo arrepiar com a possibilidade de você também estar ali. Ela queria te encontrar, queria te ver mesmo que fosse só de relance, só pra ter certeza que você ainda tem a mesma cara de bravo, mas não era você. Nunca é. Cê tem ideia de quantas vezes ela se enganou assim? Já ouviu sua voz numa ligação errada, seu toque na mão de outro homem e sentiu seu hálito numa boca que não era sua. Ela tá sempre te procurando, querendo cruzar o teu caminho e matar um pouco da saudade que ela finge não sentir. Mas você não entende isso.

Eu sei que ela parou de escrever sobre você, e que tem usado uns personagens novos que parecem ser bem mais interessantes do que cê era. O moreno tá desaparecendo. Mas talvez seja só pra ela se convencer de que você não faz mais sentido, de que te manter vivo é insanidade. Ou, talvez, seja porque ela cansou de gastar palavras pra tentar te fazer enxergar o que ela sente. Talvez ela esteja esperando que você fale agora, porque ela já disse tudo, esgotou os pedidos, as lamentações e os desabafos, só resta uma vontadezinha teimosa de que cê volte logo pra fazê-la lembrar do quanto de você ainda mora nela, porque, talvez, só talvez, apesar de tudo, ela te ame.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.