Nova Perspectiva

6 de novembro de 2016

Agora ela tá feliz e você sozinho

Não, o problema não é você estar sozinho. De certa forma, ela também está. O problema é que cê queria estar com ela, não é? Mas parece que você se deu conta disso justamento no momento em que ela voltou a ser feliz e percebeu que você não era mais tão necessário em sua vida.

Nem sei se eu preciso te contar que ela passou uma porrada de noites chorando por sua causa, porque ela deve ter te enchido de mensagens todas essas madrugadas que você curtia com aqueles seus grandes amigos na balada, as mesmas mensagens que você agora manda e ela ignora. É ruim ver que ela recebeu, leu e preferiu não responder, não é!? Ela sabe bem disso, cansou de te ver fazer o mesmo e se perguntar o que as outras tinham de tão especial que ela não tinha.

Teve uma galera que te avisou que uma hora ou outra ela ia cansar dessa sua mania de ir e vir quando bem entendia, mas você preferiu se fazer de surdo e fingir que o papo não era contigo. Que erro, cara! Você tinha que ter feito alguma coisa, sabe? Mas enquanto ainda dava tempo, porque querer mudar agora parece piada, como se você tivesse querendo fazer ela de trouxa de novo. Cê tinha que ter provar que podia ser um cara especial antes dela desistir de esperar por um milagre. Só que cê optou por continuar sendo um babaca.

Você sabe que ela foi embora por um erro seu. Quer dizer, por três, seis, dez, incontáveis erros. Ela te perdoo muitas vezes, passou por cima de coisas que a maioria não teria passado, mas todo mundo tem um limite cara, o dela estourou, não dava mais pra ela continuar fingindo que tava tudo bem. Não tava. E se você não ia fazer ficar, era ela que tinha de dar um jeito naquela bagunça. E deu. Ir embora foi a solução mais racional que sobrou.

Agora ela tá feliz. Voltou a sorrir a toa e ver o quão boa a vida por ser. Ela começou a ir naquelas festas que você ia escondido e a conhecer uma porrada de cara interessante. Começou a se divertir tanto que o seu nome virou uma recordação triste que ela deixou de querer lembrar. Ela quase não pensa mais no tanto que ela te queria. Você não quis mudar, ai ela mudou. Agora, cada foto que ela posta é um tiro no seu coração. Ela tá ainda mais linda, não tá? E você fica ai, feito bobo, se perguntando como foi que deixou ela ir embora.

De vez em quando ela também se questiona disso. Como cê pode ter sido tão burro ao ponto de tê-la nas mãos e não ter valorizado? Pois é, cara... Você podia ter sido tudo na vida dessa menina e ela te faria o homem mais feliz do mundo, porque ela te amava de um jeito que nenhuma outra vai amar, mas cê quis ser solteiro, quis curtir a noite, cair na farra, e acabou sozinho enquanto ela encontrou no mundo o que você nunca soube dar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.