Nova Perspectiva

14 de agosto de 2016

Não tenho mais espaço pra você voltar


Vejo as mensagens que você me enviou ainda hoje e sorrio involuntariamente, mas não é de alegria não moreno, é um daqueles sorrisos que a gente dá quando sente desprezo. Nos últimos dias não teve sequer uma postagem ou uma foto minha que você não curtiu, sem medo de parecer desesperado cê saiu atirando de todas as formas pra tentar me atingir, uma pena teu surto pela minha atenção ter acontecido logo no momento em que eu me dei conta de que o mundo era grande demais preu me limitar ao seu umbigo.

Todo mundo tentou me avisar que assim que a sua ficha caísse e você percebesse que eu estava te superando cê iria tentar voltar atrás pra se encaixar de novo na minha vida. Eu dizia que não, afinal, foi você quem pegou as suas coisas no armário e disse que tava indo embora porque a nossa história já não era mais suficiente pra você, mesmo eu implorando pra que cê nos desse outra chance; cê não quis me ouvir, seque prestou atenção nos meus argumentos, mas aí quando eu parei de chorar e comecei a descobri que tinham muitos motivos pra rir perdidos mundo afora você tocou aqui em casa dizendo que tava com saudade.

Saudade moreno? Não, o que você sente tá bem longe disso. Saudade é aquilo que eu senti nas noites frias em que o meu corpo teve de se acostumar a não ter mais o seu pra me aquecer, foram as madrugadas que eu passei em claro observando sua vida pelas redes sociais e me perguntando por que é que eu não me encaixava mais nela. Saudade é aquela coisa que me matou um pouquinho por dia desde o dia em que a casa ficou mais vazia. Saudade é o que o amor vira quando não pode mais estar perto de quem a gente quer. O que você sente é ego ferido, síndrome de quem só sabe dar valor depois que perde.

Sinto muito, mas agora já não dá mais tempo de você aparecer com a sua cara de pau e esse papinho mole tentando me convencer a te deixar entrar uma última vez em mim. Eu já não tenho mais espaço pra você voltar, fui preenchendo as lacunas que tinham ficado com coisas mais interessantes de descordar de tudo o que eu dizia e agora não há mais nenhum vão que de pra você se enfiar, então nem perca seu tempo tentando me convencer de que a gente vale a pena. Não vai rolar. Nem hoje, nem amanhã e nem nunca mais. Certos erros a gente só têm direito de cometer uma vez na vida, você é um deles.

Imagem: Via reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.