Nova Perspectiva

22 de fevereiro de 2016

Você foi a minha grande decepção

Via reprodução
De príncipe encantado à sapo, quando é que eu poderia imaginar que o amor da minha vida se tornaria a minha maior ferida? Eu te entreguei o meu coração e só pedi pra que você cuidasse dele com carinho, não fiz nenhuma exigência fora do comum e nem grandes recomendações, só quis que fosse reciproco, que fosse concreto. Eu nunca fantasiei romances cinematográficos e nem desejei viver um livro de romance americano, só queria que as coisas entre a gente fossem bonitas. Cê me prometeu uma porção de coisas, jurou outras tantas e eu, crente de que aquela história era real o bastante pra que eu pudesse me jogar, acreditei em tudo o que você falava.

Seu jogo foi baixo, igual você. Cê fez com que eu confiasse mesmo sabendo que não seria bom o bastante pra atingir as minhas expectativas, deixou que eu caísse de cabeça e não me avisou que talvez não conseguisse estar lá pra me segurar. E eu cai feio, foi um tombo pesado daqueles que deixam marcas por muito tempo. Não tem nada pior que ser passada pra trás por alguém que cê queria andar ao lado. Eu me entreguei pro nosso amor, ou praquilo que eu achei que era amor, me entreguei de corpo e alma e dei o melhor pra que a gente desse certo, mas você olhou pra frente e viu outra pessoa e resolveu parar de me esperar. Não entendi o que foi que aconteceu, mas quando eu me dei conta você já não estava mais aqui.

Doeu ver que você tinha colocado alguém no meu lugar sem nem ao menos me avisar que ele já não era mais meu, doeu me perder na sujeira que você criou e me dar conta de que cê tinha encontrado uma nova mulher no meio disso tudo. Doeu te olhar nos olhos e enxergar que você tinha se tornado a minha grande decepção. E quando eu achei que não dava pra piorar, você quis falar de amor, como se tivesse direito de usar uma palavra tão bonita sendo alguém tão feio. Cê não sabe o que é amor, nunca soube e não sou eu quem vou te ensinar. Por mais quebrada que eu esteja agora, sei que vou me reconstruir aos poucos, de pedacinho em pedacinho eu me remonto e saio melhor do que entrei, mas e quanto a você? Bem, aí eu já não sei. Podre desse jeito você nunca vai conseguir ficar ao lado de alguém que cheire bem.

4 comentários:

  1. Meninaaaaa que texto foi esse?
    Falou comigo, dói tanto ver que quem você ama te deixo por uma outra pessoa depoia te tudo, todas as promessas.
    Seus textos são incríveis. <3

    ResponderExcluir
  2. Nossa mais um texto perfeito, adorei 😘

    ResponderExcluir
  3. Tem dores que vem para que possamos ser.

    Que bom que reconheceu que ele não vali assim tanto a pena.

    Lindo, Gabs.
    Beiji, Mafê. :*

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.