Nova Perspectiva

25 de janeiro de 2015

O Teorema Katherine


Título: O teorema Katherine 
 Autora: John Gren 
 Editora: Intrínseca 
 Páginas: 304

Ganhei o livro da minha melhor amiga ano retrasado, um pouco depois de ler A culpa é das estrelas, e eu tava naquela fase "João verde é mais amor" que 90% das pessoas que leem acede ficam. Até ai tudo ok. Antes de me atirar em o teorema li algumas resenhas sobre ele, muitas diziam que ele era o mais fraco do John e que deixava a desejar em comparação aos outros, fiquei meio desanimada porque João verde ERA mais amor e NÃO PODIA deixar de ser. Contrariando o esperado eu não enrolei para ler, se tinha que me decepcionar que fosse logo. Graças ao santo amado dos livros eu tive um resultado oposto ao imaginado: me apaixonei! O livro é todo fofinho, cheio de diálogos gostosos e citações sensacionais. Li em dois dias e depois de uns meses reli (coisa rara, eu quase nunca releio nada), ou seja: ignorem essas resenhas chatas, leiam a minha e comprem o livro.



O teorema Katherine conta a história do Colin, um rapaz prodígio, que tem o QI acima da média, de dezessete anos. Colin sonha em ter seu momento "eureca" que vai transformá-lo em gênio, tornando-o superior aos "prodígios" e transformando-o em alguém que fez algo de importância para a sociedade, mas não é só isso, a sua vida amorosa também é um pouco inconvencional, Colin só namora Katherines, no total 18, agora 19. O livro começa quando ele leva um pé na bunda dessa última logo após a formatura, e fica desolado, com o coração partido e sem nenhuma ideia que o torne gênio ele e seu melhor amigo Hassan, resolvem cair na estrada, com destino incerto.
Eu não conseguia ouvir mais nada no mundo além de você. E, naquele momento, estava tão frio e tão silencioso… E eu te amava tanto.
Depois de rodar bastante com o carro, acabam parando em uma cidade do interior chamada Gutshot, é aí que Colin tem seu momento eureca. A ideia é montar um teorema matemático que preveria a duração de um relacionamento e quem é que terminaria com quem, pra testá-lo ele usa os seus relacionamentos antigos, o que faz com que conheçamos um pouco mais das 19 Katherines. Em Gutshot ele também conhece Lindsey, filha da Hollis, que é a dona de uma fábrica e oferece a eles um emprego para entrevistar os moradores locais, e é em torno disso, do Teorema e das aventuras pela cidade que a história se desenrola de forma hilariante.

Eu não acho que seja possível preencher um espaço vazio com aquilo que você perdeu. Não acho que nossos pedaços perdidos caibam mais dentro da gente depois que eles se perdem. Agora foi a minha ficha que caiu: se eu de alguma forma a tivesse de volta, ela não encheria o buraco que a perda dela deixou.


O teorema Katherine é dos três livros que já li do JG (além de acede e quem é você alasca?) o mais leve, mas ainda assim mantém a característica fundamental de John, que são as reflexões, principalmente sobre a vida. A narrativa, exatamente por ser mais leve, flui com mais rapidez. Os diálogos são caprichados, engraçados. O final não é tão imprevisível,  mas é bonito. Não teve sequer uma parte que eu não gostei, e não me decepcionei com ele, nem com o João verde, meu amor só aumentou, é difícil um escritor que se saia bem em textos de amor água com açúcar, e em histórias profundas e tristes.



É possível amar muito alguém, ele pensou. Mas o tamanho do seu amor por uma pessoa nunca vai ser páreo para o tamanho da saudade que você vai sentir dela.
Essa resenha faz parte do projeto 1 por vez, do qual participo com mais 5 blogueiras, o tema desse mês foi "romance água com açúcar" e eu escolhe o teorema katherine para resenhas, leia também a escolha das outras meninas:
1 | 2 | 3 | 4 | 5

33 comentários:

  1. Infelizmente eu não gostei do livro, achei bem sem graça! Mas fico feliz que você tenha gostado e tido uma ideia positiva sobre o livro. Adorei a resenha!

    Beijos, Juliana!
    http://afinefrenzzy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Queria muito ler...
    Amo esse cantinho!
    Deus abençoe
    asoonhadora.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. ASHAUISHAUIHSAUI amei! Realmente, nunca li nada do Johnzinho (crucifique-me), porém morro de vontade. Parece q o teorema é um bom jeito de começar, já q ele tá na minha estante do skoob há teeeeeeeeeeeeempos tambem !!! Um beijo!

    www.eunomadiando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. confesso: nunca li nada do joão verde. HAHAHAH talvez eu seja um et por isso. Talvez.

    sim, isso implica dizer que não li A Culpa é das estrelas ;(
    preciso ler, eu sei.

    beijo
    beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabi!

    Eu estou com o livro aqui, juntamente com Cidades de Papel que é do mesmo autor. Como você, li ACEDE e fiquei morrendo de amores hahaha Mas falta tempo pra ler os outros... Também já li resenhas que disseram que este é ruim e sem graça, mas fiquei confiante na sua! Espero poder ler em breve.

    Beijocas
    www.carolice.com

    ResponderExcluir
  6. Li O teorema antes de ler ACEDE, talvez seja por isso que gosto mais do Teorema do que de ACEDE, não que não goste de ACEDE, acho um livro lindo, mas acho a história de Colin tão engraçada e leve... Tenho Quem é você, Alasca? em inglês, e meu inglês não está tão bom quanto eu imaginei que estaria kkkk. Mesmo assim, espero ler ele e todos os outros do John. Acho ele um autor sensacional.
    Beijos

    Vidas em Preto e Branco 

    ResponderExcluir
  7. Amo os livro do John *-* A história do Colin é muito boa, o Hassan é demais. Uma das coisas que mais gosto nos livros do John é que no final sempre refletimos sobre algo, como uma fábula. Não se você também acha isso. Ótima resenha!

    http://blogquerida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Sabe, o único livro que eu já li do John Green é Cidades de Papel, e eu gostei bastante, não é o melhor livro do mundo, mas foi uma leitura muito divertida, e apesar de já ter assistido A culpa é das estrelas, recentemente eu comprei o livro para ler,e por mais que eu saiba o final estou bem ansiosa. Já me considero uma admiradora do João Verde, e as resenha negativas sobre O teorema Katherine me desanimaram um pouco, agora vendo que vc gostou tanto,nada como ler e descobrir por mim mesma se vou gostar ou não. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Radioativa Fluffy

    ResponderExcluir
  9. Oi linda, tudo bem? Confesso que faz um tempo que li O Teorema Katherine, e tinha até me esquecido m pouco da estória, mas adorei ler a resenha porque me lembrei que me apaixonei pelo livro, assim como o Quem é Você, Alasca? . Espero poder ler de novo, bateu uma vontade.
    Beijos linda, adorei as fotos também.
    www.sombradosdezoito.com

    ResponderExcluir
  10. Esse livro foi um dos que comprei e joguei em algum lugar pra ler quando sentir vontade! rs
    Parece ser bom, mas to numa ressaca literária que socorro! hsuhsuhsu
    John Green me conquistou com acede e cidades de papel.

    Bela resenha!

    ResponderExcluir
  11. Tenho preconceito com o John Green, os livros dele são pra meninas XD

    ResponderExcluir
  12. Me disseram que esse livro não vale tanto a pena, mas gostei muito da sua resenha, estou revendo meus conceitos, hehe :D


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  13. Oi, Gaby. Eu não li esse livro ainda, mas sei que a história é bem emocionante.
    Eu tinha o livro e acabei dando para sorteio, agora confesso que estou um pouquinho arrependida.
    Diferente de você, li apenas A culpa é das estrelas, ainda não li trêees não hahaha.
    Adorei a resenha e parabéns por ganhar de presente da amiga \o

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 4 ganhadores e você escolhe o livro que deseja ganhar.

    ResponderExcluir
  14. Gabi, não entendo porque as pessoas não gostam do Teorema. Eu gosto demais!
    Não é o meu preferido do Verdinho, mas gosto muito. Ainda mais por causa disso que você disse, é o mais leve de todos. Acho super inteligente os diálogos e todas aquelas fórmulas DE VERDADE.
    O Cidades de Papel é bem legal também, eu gosto acho que até mais do que o Teorema.

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  15. Eu não li esse... Estou querendo!
    Acho q vou gostar!
    Muito boa suas resenhas.
    Beijinhos
    www.UmPinguinho.com.br

    ResponderExcluir
  16. Nunca li nada do John Green, mas também não tenho interesse sabe?! Acabei perdendo o mesmo de tanto ouvir falar sobre os livros dele. Depois que sairem da "modinha" eu leio haha.

    David (http://daavidjsc.blogspot.com.br/)

    ResponderExcluir
  17. Esse parece ser um livro lindo e diferente. Do John eu só li A Culpa, esse eu tenho muita admiração mesmo sem ler. Espero ler um dia :)
    Adorei sua resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Eu também fiqeui com um pé atrás sobre esse livro depois de ler algumas resenhas,mas parece ser bom acho que irei ler...
    Choices

    ResponderExcluir
  19. Nossa, super li vááárias resenhas dizendo que o livro era beeem mais ou menos... mas depois da sua resenha me animei mais para ler!

    ResponderExcluir
  20. Tem tanta resenha desse livro.. mas acredita que ainda não senti vontade de lê-lo? Ele sempre vai para último da lista =(

    Teu blog tá lindoooooooooooooooooooooo gabs.

    ResponderExcluir
  21. O meu problema com Teorema foi as expectativas... :(

    ResponderExcluir
  22. Eu ainda não o Green, mas pretendo comprar A Culpa é das Estrelas ainda que der. Achei o Gus muito chato, mas a história em si é bonita. :} Beijos! ^^
    http://www.canseidesernerd.com/

    ResponderExcluir
  23. Eu compartilho do mesmo amor por João Verde que você! E a raiva que me dá quando digo que gosto e alguém entroncha a cara dizendo que eu devia parar de ler escritores "modinha". Gente, se virou a tal modinha é por que é bom. E não é bom, é maravilhoso!
    Aquele cara escreve livros que ao mesmo tempo que simples são super bem trabalhados. Tem humor, tem romance, tem amorzinho, tem lições de vida, e umas tristezas de partir o coração. Ainda vou dar um mega abraço nele <3
    Ainda não li o Teorema Katherine, mas namoro ele na livraria toda vez que passo lá. Só falta o dinheirinho uuahua
    Beijos, Amanda.
    Expresso de Nárnia

    ResponderExcluir
  24. Ganhei esse livro já faz um tempo. Comecei a ler as primeiras páginas, achei um pouco chatinho, mas ainda não desisti de lê-lo.

    Bloginfinitamente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Gabi, amei a sua resenha e os trechos escolhidos. ♥
    Eu comecei a ler esse livro, mas acabei largando. Acho que não escolhi o livro na hora certa (eu acredito nessas coisas rsrsrs). Mas quero voltar a ler. Já escutei algumas pessoas falando que não gostaram muito e tal, mas ele está na minha listinha depois do livro "Quem é você, Alasca?". E a capa desse livro é a coisa mais linda do mundo. E John Green é muito amor mesmo! ♥

    Beijocas,
    Carol
    www.pequenajornalista.com.br

    ResponderExcluir
  26. Oi
    Só li dois livros desse autor até agora, mais tenho muita curiosidade em ler esse pois a história chamou minha atenção. Gostei da sua resenha e deve ter gostado mesmo para reler o livro.

    http://momentocrivelli.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. O teorema está em minha lista de desejos há muito tempo! Quero muito lê-lo, todo mundo fala muito bem dele! Eu sou completamente apaixonada pelos livros do John e esse eu ainda não li:(
    Amei a resenha ♥
    www.blogisaedani.com

    ResponderExcluir
  28. Que linda sua resenha! Amei!
    Ganhei esse livro no meu aniversário, ainda não li, mas quero muito ler.
    Independente de opiniões negativas, a gente precisa ler para poder tirar nossas próprias conclusões, né?!

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  29. oieee
    dizem que esse livro é muito bom
    sinto vontade de ler quem é você Alasca?
    eu tenho a culpa é das estrelas (foi o único que eu li )
    bju

    http://karinapinheiro.com.br/objetos-vintage-para-decorar-o-quarto/

    ResponderExcluir
  30. Hahaha, gostei muito de sua resenha.
    Acredita que nunca li nada do João Verde? rs
    Preciso perder es minha "preguiça literária" e voltar para meus amados livros, hehehe.

    Blogdeaventuras.com ♥

    ResponderExcluir
  31. eu nunca li o livro justamente por terem me dito que não era tão bom, mas adoro livros em que posso tirar citações legais, então agora me animei para lê-lo.

    ResponderExcluir
  32. Admito que estava na dúvida entre comprar esse livro ou não
    pq assim que acabei de ler a culpa é das estremas li cidades de papel e não gostei
    mas vou comprar e vou ler
    Bjs
    www.carolinafaria.com.br
    facebook.com/blogcarolinafaria
    instagram @carolinacf

    ResponderExcluir
  33. Já li todos os livros do John Green, menos esse. Meu amigo leu e realmente odiou! Achou cansativo e repetitivo, então nem cheguei a dar uma chance ao livro. Não acho os livros do John lá essas coisas boas que todos falam, mas pretendo ler esse para assim ter uma opinião, rs.

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.