Nova Perspectiva

8 de março de 2014

Nós

Imagem retirada do site weheartit
Who You Love (feat. Katy Perry) by John Mayer on Grooveshark
O ônibus tá lotado, o trânsito um caos e meu estômago não para de revirar, só não sei se é de fome ou se é o voar das borboletas que mudaram aqui pra dentro. Enquanto o vidro embaça da chuva que cai do outro lado eu me indago: como pude deixar isso acontecer? Você veio feito furacão, tirou do lugar meus móveis, meus livros, meu coração, e nem se preocupou com a bagunça que deixaria na minha vida. Eu deixei você cuidar de mim, esse foi o meu primeiro grande erro, em seguida um efeito dominó destruiu minha armadura.

Meu coração andava interditado e você nem se incomodou em pular a janela para entrar, invadiu a minha vida e me enfeitiçou. Viciei no seu jeito de falar de amor, nos seus dedos percorrendo o meu corpo e na sua boca emudecendo meus dramas. Foi entre um vinho e uma cerveja que eu me apaixonei, em seguida te convidei pra morar em mim, e você aceitou. Teve aquela noite que você chegou de surpresa trazendo aquela pizza horrível e a gente ficou rindo em frente à televisão, só não me lembro se era do filme ou da alegria que sentíamos ao notarmos o quanto o eu e você se encaixava perfeitamente no nosso nós, aí você me levou pro quarto e o mundo inteiro parou pra olhar o nosso amor, depois você adormeceu com os braços enlaçados em mim, eu quis congelar aquele momento só pra ficar observando a sua mania de sorrir até dormindo.

Eu me moldei em você, me encaixei no seu colo, no seu cafuné e na sua mania de vociferar sobre tudo o tempo todo, você aprendeu a me ler, misturou teu cheiro no meu e perfumou o nosso destino com um aroma doce de paixão. No começo eu tive medo dessa tempestade de sentimento, dessa inundação de você em mim, depois eu cedi aos seus encantos e jantares à luz de vela, e agora eu só sei que se a vida é uma grande peça você foi a minha melhor encenação.

17 comentários:

  1. E eu adorando sua escrita cada dia mais !!
    lindo demais Gabii *-*

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto e seu blog é muito fofo!!! Beijos! *_*

    ResponderExcluir
  3. Você escreve tão bem! Queria poder saber fazer o mesmo! :(
    Ah....apaixonar é tão como você descreveu "Você veio feito furacão, tirou do lugar meus móveis, meus livros, meu coração, e nem se preocupou com a bagunça que deixaria na minha vida.", ou seja, bagunça tudinho a vida da gente!

    ResponderExcluir
  4. Você escreve muito bem, acabei de conhecer o blog, e gostei muito.

    Blog No Estilo Gisele

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Gabriela.. vi teu blog no de uma amiga recente e vim conferir..
    Tem muita profundidade no conto que traduz perfeitamente o que a gente sente quando alguém entra em nossas vidas.. tudo muito bem detalhado e não é para menos visto que o coração que carregamos é meio bobão vamos dizer né.. as vezes chora a toa, outras ama quem nunca nos amou.. no teu perfil disseste que foi graças a uma babaca que começou a escrever e desabafar.. e fez muito bem e espero que continue assim.. comigo não foi muito diferente... apaixonei-me por uma colega de aula que me pisou até dizer chega.. resumo desta primeira parte comecei a poetar e a poesia que abriu alas para mim foi rejeição que fiz justo a ela.. os sentimentos querem assumir o controle e se a gente deixa a gente fica acorrentado a eles para sempre.. não vejo mais as pessoas desta maneira .. hj em dia vejo vibração e energia.. já fiz 100 sonetos dedicados a uma pessoas que jurou amores e não deu certo.. me rendeu uma obra.. recente fiz mais 100 sonetos a outra pessoa que parecei ser o amor para a vida toda.. os sonetos foram feitos ela nunca entrou na minha vida.. vida de poeta não é fácil srs
    mas amo o que faço e que tu possas fazer contos belissimos bjs e uma linda noite
    lapidandoversos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Que texto maravilhoso! Tanto sentimento. Tanto querer. Tanto amor exalando desse belíssimo conto. Parabéns, Gabi. A frase final foi a minha preferida. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. que lindo ♥
    você brinca com as palavras de um jeito tão único, Gabi... é maravilhoso... continue enfeitando o mundo com esse seu dom, viu?
    eu AMO histórias de amor, me prendem até o fim, principalmente quando são tão bem escritas quanto as suas.

    'Você veio feito furacão' me lembrou o trecho de 'quem é você, alasca?': "se as pessoas fossem chuva, eu era garoa, e ela um furacão" ♥♥♥ ce ja leu esse livro? é incrível.

    é tão bom se entregar assim né?

    beijos!

    www.pe-dri-nha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Guria, que texto maravilhoso! To aqui com os olhos cheios de lágrimas imaginando tudo isso. Essa bagunça de amor é um sentimento tão bonito, mas que às vezes destrói tudo =/

    PS: to apaixonada pelas suas palavras!
    Beijinhos,
    www.procurei-em-sonhos.com

    ResponderExcluir
  9. "Eu me moldei em você, me encaixei no seu colo, no seu cafuné, e na sua mania de vociferar sobre tudo o tempo todo, você aprendeu a me ler, misturou teu cheiro no meu e perfumou o nosso destino com um aroma doce de paixão."

    Ai, Gabi... Suspirando com seus textos, pra variar! <3

    ResponderExcluir
  10. Eu já tenho andado achando tudo fofíssimo, achando que tudo é cor de rosa e ainda vem teu texto, pronto, fechou a cota de amorzinho na minha vida haha
    Beijoos,
    santaironia.com

    ResponderExcluir
  11. Invasiva, com decoração urbana para seus textos cardiovasculares, todo esse ritmo convence que vem. Sempre penso em continuações quando venho ler e dessa vez não foi diferente.
    Talvez existam móveis que ele ainda não tirou do lugar, momentos mais densos que não é qualquer um que poderia transformar. O inabalável, continuaria inabalável?
    Isso só você pode dizer. Parabéns.

    ResponderExcluir
  12. Nossa, que texto excelente, com descrições incríveis!
    Que jeito de brincar com as palavras, demonstrar sentimentos, paixão!
    Adorei! :D

    ResponderExcluir
  13. Bonito Gabi. É profundamente romântico, enfeitado com um amor tão doce, encantador. Uma profusão de sentimentos que se encontraram numa magia bonita. Um depoimento vestido com doçura e paixão. De delicadeza sem igual.

    Tu arrasa!

    Beijão!!

    ResponderExcluir
  14. O amor é muito bom enquanto dura, mesmo com os momentos ruins. Resta para nós fazer com que ele dure o quanto for possível. Bem romântico, seu texto.

    ResponderExcluir
  15. Senti uma dúvida imensa no final desse texto. O fim é duplo sentido. Teve fim? Não teve? É possível encenar amor?

    Belíssimo texto gábs ;*

    ResponderExcluir
  16. Ai que lindo esse texto ! Profundo e bem romântico. Bjos rhaychic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Muito bom!! Parabéns!

    http://princesasdedeusblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.