Nova Perspectiva

26 de julho de 2012

De alma despida

Via reprodução
Essa minha posse de rocha é só fachada, esse meu sorriso no rosto é só disfarce, essa menina que faz piadas com a vida é só mais um personagem dessas minhas histórias sem fim, na verdade eu sou só mais um clichê perdido no meio de milhares, sou só um livro velho que não vale a pena ser lido. A cada minuto tudo parece que vai desabar, não sei onde guardei minha armadura, não quero encarar os olhares que me cercam.

Sou frágil, meu amor, toda essa força que pareço ter é ilusão, esse meu jeito de quem não chora e não sofre não é o meu jeito. Não sou pedra, sou porcelana. Essa minha mania de olhar duro é só para esconder os hematomas que tenho na alma, no peito, no corpo, esse meu vicio de rir de tudo é só um remédio para escapar dessa vontade de vomitar em lágrimas toda a minha dor, por isso escrevo, por isso escondo-me nas palavras, assim refugio-me do mundo e posso ser eu com todos os meus dramas e minhas dores.

Não sei ser eu sem máscaras e falas prontas com outros, não sei mostrar todas as minhas feridas abertas, não quero que ninguém cuide da minha dor, quero um ombro e o silêncio de um amigo, quero colo e alguém que vá me escutar sem dar conselhos tão clichês quanto a minha dor. Não quero opiniões, quero alguém que aguente me ver de alma despida, que entenda que sou intensa demais para acreditar que vai passar, quero alguém que compreenda que sou feita de dramas e dores de um amor perdido.

Quero alguém que não julgue minha melancolia de madrugada, que respeite meu casulo, que não vá embora quando eu começar a transbordar, mas que também não fique por pena. Quero alguém que vá gostar de mim e não do meu álter ego, que vá rir das minhas piadas e chorar com meu sentimentalismo extremo. Quero alguém que ame minha alma, tão triste e solitária.

17 comentários:

  1. Que lindo esse texto. Todo mundo quer alguém assim, certo? :~
    Adorei essa parte "na verdade eu sou só mais um clichê perdido no meio de milhares"

    Beijos, flor :*

    ResponderExcluir
  2. O texto é lindo sim. Mas irei fazer apenas uma oposição à ele, okay?

    Todo 'livro', independente de sua capa, de suas folhas manchadas ou desbotadas pelo tempo, vale a pena ser lido sim. Assim como toda pessoa um dia terá seus mistérios revelados, seus detalhes mais íntimos conhecidos.

    Um beijo, Misunderstood.

    ResponderExcluir
  3. menina, que blog perfeito é esse? sério! os textos são incriveis, e o melhor é que a maioria parece falar por mim. são tudo que eu sinto e nao consigo mais colocar no papel. ;~ enfim, amei tudo aquii. parabéns =)

    ResponderExcluir
  4. Oiii Gabriela, te linkei no meu blog.
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Seu layout novo tá tããão fofo! Amei. E os textos, lindos, como sempre.


    O Busílis está de volta, passa lá quando der, Gabi!
    Beijo.

    ResponderExcluir
  6. Toda mulher procurar alguém assim... Difícil é achar... Como sempre, teu texto me toca. De uma sensibilidade extrema Gabi... Mas não use máscaras, seja você querida.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  7. Lindo demais. Encantador. Amei.
    E sem mais adjetivos.

    ResponderExcluir
  8. Acho que todos somos um simples clichÊ!

    ResponderExcluir
  9. Eu me vi neste texto. Quase chorei.. PERFEITO!

    http://sentimentosclandestinos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. QUE bom te ler hj!
    num dia em que eu me sinto exatamente assim!

    bjo

    opinandoemtudo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Como é possível não seguir um blog destes?!
    Escreves tão bem, adorei :)

    ResponderExcluir
  12. Tu sabe que passo a maior parte do tempo me sentindo assim, tu não tá só.. =/

    Desculpa a ausência querida! Mas tu sabe como minha vida anda corrida, né?! Se cuida, se precisar sabe onde me achar! ^^

    ResponderExcluir
  13. Você está falando de você ou de mim? Porque sinceramente eu me encaixei em quase TODAS as palavras que tu escreveste. Meu sorriso muitas vezes também é só um disfarce pra mascarar a dor. E sonho com uma pessoa que fique ao meu lado e entenda todas as minhas psicoses. Será que existe?

    Beijos flor, ótima semana.

    ResponderExcluir
  14. Gabi, te indiquei para participar do "Meme para mostrar a caligrafia"! Olha lá: http://bus-illis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Quero alguém assim, mas onde encontrar? Todos se misturaram aos mais horrorosos clichês e encontrar alguém que esteja disposto a ouvir sem nada falar é raridade.
    Beijos Gabi.

    ResponderExcluir
  16. mas,não é sempre assim: as pessoas que mais parecem ser uma rocha,duras, amarguradas, etc. na verdade, são doces e frágeis?
    Emilie Escreve

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.