Nova Perspectiva

12 de maio de 2012

Era amor de camelô.

Essa foi uma semana terrível, não que alguém se importe, ninguém tem ligado muito ultimamente, nem eu. Todos os emplastos que tampavam e curavam as minhas dores soltaram, eu devia ter cuidado melhor desses arranhões que a vida já me deu, mas a gente sempre espera por alguém que vá fazer os curativos todo fim de tarde até não haver mais feridas, mas esse alguém nunca veio, foi minha culpa. Desmoronei. Engraçado como dói à falta de tudo o que a gente nunca viveu. É isso que dá ficar economizando moedinhas pra comprar amor de camelô. 
Na vida ninguém cura tuas feridas, então levanta do chão, sacode a poeira e bola pra frente, chega de chorar por quem nunca valeu a pena, chega de implorar por um amor made in china, coloca na cabeça que tudo tem a hora certa, não adianta ficar lendo seu horóscopo pra saber se o seu tão-sonhado-príncipe-encantado vai aparecer hoje, ele não vai! E talvez, também, não venha amanhã, talvez ele cruze a esquina com você justamente naquele dia em que o astrólogo tirou folga, não importa, ele vem, mas você tem que estar curada desse cara que nunca quis nada com nada, que insistiu em reduzir seus sonhos aos dele. Fecha esse coração tão pequeno e tão cheio de dramas, mas não o tranque, limpe essa bagunça, esquenta um chá, liga o som, arruma os curativos. Enfia de uma vez nessa cabeça dura que se não foi é porque não era pra ser, e morda a língua pra dizer que era amor, não era, se tivesse sido ele não teria ido com a primeira que apareceu.
Tudo bem que ele foi embora, e isso dói, mas o mundo não acabou, para de tentar encontrar sua felicidade nos braços dos outros, não me importa se Tom Jobim cantou que é impossível ser feliz sozinho, eu estou te dizendo que não é, e estou te mandando ir ser, hoje, agora.

29 comentários:

  1. Gostei dos termos "amor de camelô" e "amor made in china". E do texto em si também, tem um gosto de... adolescência. :D

    ResponderExcluir
  2. Em alguns momentos, nada flui,




    Bjkas

    ResponderExcluir
  3. Limpar a bagunça significa seguir em frente, esquecer o que restou e se renovar, ainda mais que o amor vem, ah se vem. Beijos!

    http://sabrinanunees.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Um baaaita tapa na cara da sociedade, hein?

    Adorei!

    Post do tipo que sacode a gente por inteiro e nos joga umas boas verdades na cara.

    ResponderExcluir
  5. Seu texto disse tudo que eu tava precisando ouvir (ler kk).
    Chega disso, to indo ser feliz mesmo, quem quiser que me acompanhe!


    http://manuelemota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Esse texto já disse tudo, é isso aí. Bola pra frente!

    ResponderExcluir
  7. Ficou perfeito o texto. Um banho de aguá fria. \o/

    ResponderExcluir
  8. O problema é que nós esperamos muito dos outros sempre e em todas as situações. Não fazemos por nós mesmos. Se começarmos a fazer por nós, irá aparecer alguém para nos ajudar com essa tarefa tão difícil. Beijo

    ResponderExcluir
  9. Quem me dera ser fácil assim, não vou mais chorar e pronto, mas da qui a pouco ta tdo na mesma. Adorei esse texto. Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Nossa.. que sacode a poeira esse texto!
    Amei demais!

    ResponderExcluir
  11. Vejo aqui um dos seus melhores textos.
    Sem enrolações e com todo o sentido do mundo.
    Adorei "chega de implorar por um amor made in china" hahahaha


    Amor de camelô infelizmente é o que mais se acha hoje em dia. E eu realmente já estou farta dele.

    beijo

    ResponderExcluir
  12. felicidade depende de muito mais coisas que um romance, né? romance acrescenta, nem de longe deve ser o principal na vida de alguém :D

    adorei o "amor made in china" HAHAHAHA


    ---

    sobre o erro que você disse, às vezes acontece mesmo. é um erro temporário, porque alguma alteração tava sendo feita no blogger. é só tentar novamente (:


    beijo.

    ResponderExcluir
  13. A cada dia tenho mais certeza de que não se deve continuar a viver numa relação na qual você não está feliz, por mais amor que você sinta pela outra pessoa.
    E sim. É possível ser feliz sozinha.

    ResponderExcluir
  14. é isso aí bola pra frente...é possível ser feliz sozinho vale a pena esperar pelo grande amor enquanto ele não vem vai vivendo e curtindo a vida.

    ResponderExcluir
  15. Que belo texto *-*
    É isso mesmo. AS vezes temos que acalmar um pouco o coração, pensar em nós mesmas, e principalmente, seguir em frente.
    Beijos, e tenha uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  16. Acredite, eu já fiz isso, já arrumei a bagunça, liguei o som alto e fiz a tal faxina, e sim, estou muito bem sozinha agora, mas se o tal cara imperfeito resolver aparecer, tudo bem.

    Beijos ><
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  17. oiii
    eu adorei o seu blog
    é muito legal
    e interessante
    eu estou seguindo
    se puder retribui
    tah
    bjos

    ResponderExcluir
  18. Gostei daqui!
    Seguindo :)
    Se gostar segue tbm:

    http://enredodeideias.blogspot.com.br/

    Bjokas

    ResponderExcluir
  19. É sempre bom estimular para ser estimulada. É isso, a vida não é o ontem, é o hoje, então temos de curti-la e muito!
    :*

    ResponderExcluir
  20. Esses falsos sentimentos que insistem em nos enganar...a denominação :''amor de camelô'' definiu bem. rs

    é o que sempre digo:
    centrar a mente pra entender o coração.(Carlo Lagos)

    abraços.

    ResponderExcluir
  21. Olha Gabi, sinceramente, vou te contar que sem saber tu escreveste este texto pra mim viu? Eu precisava mesmo ouvir algo assim. Chega de sofrer, já deu, a gente tem mesmo é que ser feliz sozinha, sem depender de amores alheios que nos completem. Cadê o amor-próprio? Esse sim vale à pena.

    Beijos querida, ótimo domingo. ;*

    P.S: Estou ansiosa para o próximo post de 'Amantes do Crime. ' ;)

    ResponderExcluir
  22. ''Engraçado como dói à falta de tudo o que a gente nunca viveu.''
    Dói mesmo, e como você deu a entender, tudo tem a sua hora. Enquanto o tal príncipe não vem, bom mesmo é viver a vida, deixar um pouco os horóscopos de lado e curtir a própria companhia. Quanto de nós mesmos, das nossas essências, temos a oferecer? Muito, né? Com certeza.
    Beijos, Gabi. Amei essa forma sua de dizer tudo o que todo mundo precisa ouvir!

    ResponderExcluir
  23. perfeito esse texto. Amores piratas é melhor não ter! :)

    beijo, flor
    tenha uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  24. Adorei, simplesmente adorei o seu texto, sincero, autêntico e cheio de verdades! Parabéns ;)

    Beijão e obg pelo comentário

    ResponderExcluir
  25. Diria que o meu foi: "Amor made in distância".
    Adorei o seu texto, Gabi. Como sempre, né? Você é decidida e firme, cheia de atitude. Sou sua fã! ;)

    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Parabéns pelo blog,simplesmente fantástico o seu post,a sua forma de escrever..S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L!
    Adorei o seu cantinho.rs
    Se quiser da uma passadinha no meu:
    http://comamoremaiscaro.blogspot.com.br/

    grande beijo.sz

    ResponderExcluir
  27. Já tive uns amores baratos que não duraram nada, outros duraram um tanto mais apesar de ter me machucado quase que da mesma maneira.

    Concordo que podemos sim ser felizes sozinhos, no sentido de sem um parceiro amoroso, mas acho que o Tom queria dizer no sentido de ficar isolado, sabe?

    De qualquer forma, amei!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  28. Uau! *_*
    Arrasou Gabi, certíssimo! A gente aprende ao longo da vida, que NÓS somos o centro, o outro é apenas complemento! Super me identifiquei com seu texto e gostei de ver, taí uma coisa que muitas pessoas deveriam ler rs
    Estive afastada, mas estou voltando e pretendo não sumir mais rs
    Volte sempre e grandes beijos <3

    ResponderExcluir

"A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar." — Antoine de Saint-Exupéry — Cative-me.